segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Pedal das Belas Imagens

A natureza é a coisa mais bela que existe nesse nosso planeta. É ela o que existe de mais próximo do esplendor de Deus. E nesses pedais que tenho feito meu espírito tem captado as mais belas paisagens da natureza em nossa volta. Agradeço muito a Deus por ele vir me mostrando paisagens tão belas e que muitas vezes por só estarmos concentrados no desempenho físico, nas médias horárias, no acompanhar o ritmo do outro, acabamos deixando de observar, de sentir a natureza tão próxima da gente. Então não tem sentido ir para o mato e do mato não ver nada, apenas passar de passagem.Isso é frustrante. Pois chegamos em casa e de nada temos o que recordar, se não paisagens que vemos, de passagem, por onde passamos.
Eu quero é ver de perto, ter a tranquilidade necessária para sentir uma sombra de uma árvore, a beleza do formato de um pedra, um jardim de cactos em meio ao seco, tudo isso faz parte do pedal, pois estamos nos esforçando para sair por aí pelo mato colocando toda nossa força, toda nossa energia para quê mesmo? Só atividade física ou ter a consciência e o agradecimento a Deus por termos a força necessária para irmos a lugares tão belos para nos sentirmos parte integrante da natureza? Vale a reflexão!




                                         Um jardim de cactos 
                                         Um céu maravilhoso por entre árvores secas mas vivas

                                         Há sombra e muita estrada para percorrer
                                         As pedras e seu variados formatos
                                         Ainda há árvores verdes e com uma bela sombra

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Procurando Vida Através do Ciclismo

O ciclismo tem muito a mostrar. Só depende do olhar de quem está pedalando.
                                       
                                         Há sol mas a sombra só vem com ele  



                                         A Árvore da Vida.Lindo demais

                                         Lindos cavalos

                                         Essa ficou linda demais.Um portal do tempo

                                         Por entre árvores secas numa trilha bem fechada
                                         Eita hora boa!

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Uma Grande Volta

Uma Volta grande. Pedalamos demais. Praticamente só chão. Muita força pra vencer esse pedal que acabou ficando meio tarde e o sol e as rajadas de vento foram barreiras a mais pra vencer.
Iniciamos pela Cacimbinha de Zé do Mestre, Cortamos via Pau Ferro, alongamos até a Vargem do Ramo e de Lá viemos via obras do canal chegando até à lagoa Azul com destino direto pra Salgueiro.




                                         Linda imagem aqui




                                         Passando por dentro de um riacho


                                         Entrando numa trilha fechada






                                         Essa ficou demais!



                                         Atravessando outro riacho



                                         No meio de cabras, vacas, galinhas.Mountain bike é isso.






                                        Nível de subida extrema. Dá-lhe Joãozão.
                                         Lá de baixo o Magão vem com tudo

                                         Atravessando a ponte que liga à Vargem do Ramo


                                         Hora do lanche no meio da caatinga seca e quente
                                         No final de tudo ainda tivemos que encarar essa gigante




                                         Hora boa essa!Missão cumprida!